Pesquisar este blog

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Desapegando!

Pensando na vida atual, onde vemos tantas opções em tecnologia, cores, modelos, propagandas e o consumismo só aumentando e nas doenças psicológicas escondidas nas atitudes de quem se apega demais às coisas e acaba vivendo sem espaço, sufocado mesmo e entulhado até o teto, entre objetos, pessoas, animais e até alimentos em decomposição, tudo isso em um mesmo ambiente, me lembrei de um programa que assistia chamado "Acumuladores".
Este programa retrata bem, quando queremos sufocar nossas emoções ou quando já estamos sufocados por elas e não conseguimos expressá-las de outra forma, senão assim. Algumas pessoas, começam a acumular após um trauma, precisando se sentir seguro, outros entulham a casa, formando uma barreira literalmente contra algo ou alguém. 
Somos artesãos, criativos, felizes com o que fazemos e o que isso tem a ver conosco? Tudo!
Pelo que percebo em nosso meio, boa parte ou até a maioria de nós, inicia o trabalho artesanal por um problema psicológico (seja estresse, depressão) e o hobby vira arteterapia que vira negócio ou algo deste tipo. Outra característica do artesão é o de trabalhar sozinho, o que é muito bom por um lado, mas que pode ser muito solitário para alguns. Outro fator e talvez um dos que mais pese para nós é o da organização (xiiii!), pois além de termos muitos materiais, miudezas, sempre achamos que iremos precisar deste ou daquele material que ainda está até embalado, que iremos salvar o planeta reutilizando todas as garrafas pet e latas de leite... 
Como artesã e bióloga, posso dizer que cheguei num momento em que aqui em casa, não se jogava mais nada fora e que eu ainda guardava algumas coisas que os vizinhos me doavam, foi quando vi que estava saindo do controle. Quando olhava para tudo o que havia guardado, tudo o que havia comprado e que nem tinha usado ainda e nem tirado da embalagem, eu não ficava mais feliz, mas triste, me sentindo impotente e ansiosa. Tomei uma decisão que ainda estou trilhando, fazendo um levantamento de tudo o que havia comprado e que poderia me desfazer e abri uma lojinha só de materiais para artesãos e foi assim que nasceu a minha segunda loja a Bella Aviamentos. Resolvi só utilizar o que já tinha comprado, a não ser que o cliente quisesse algo que não tinha, uma cor de tecido ou feltro diferente, uma fita, enfim.. . Então, os meus projetos são voltados para utilizar o que já tenho e tem dado certo!
Estou fazendo um curso que se chama "Programa Mude sua Vida" com a Joana Ludwig, onde comentei que havia tirado um móvel e um computador que não estava funcionando do meu ateliê e que ganhei um bom espaço e ela estava falando da lei do vácuo. Acredito que, muitas vezes não queremos mudar  nada, com medo das mudanças, com medo do vazio, com medo do que virá ocupar aquele lugar...  mas se não começarmos a retirar o que não nos serve, o que ocupa espaço demasiado, o que sufoca, o que nos confunde, o que polui o nosso olhar, nunca olharemos com tranquilidade, com paz de espírito e às vezes, o que falta para a organizar a nossa vida é começar a organizar as nossas gavetas exteriores, para refletir no que está entulhando o interior e fazer uma limpeza, jogando fora o que ficou para trás. 
Deixo a frase da Cora, com palavras simples e cheia da mais pura sabedoria para que você continue a sua reflexão e tome coragem:



Amei mais uma vez estar com vocês e espero que este post sirva de reflexão e incentivo, pois enquanto escrevia, refletia também sobre as minhas necessidades.

Até a próxima!!! :)

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Mais alfabetos. Eu gosto de variar e vocês?

Olá pessoal!

Pesquisando na net, encontrei estes alfabetos práticos e que podem ser utilizados em várias técnicas e com diversos materiais. Dá para variar o nosso trabalho e sair um pouco da rotina, até porque, o nosso lema é CRIATIVIDADE!!!

Espero que gostem e que sirvam para vocês :)

Este aqui eu não conhecia!

Pensei em fazer o nome da minha princesa...

Olha esse, que graça! Já estou imaginando em feltro e EVA!!!

Este aqui eu já conhecia e eu gosto de letras mais gordinhas para encher, se forem de tecido ou feltro...

Gostei da combinação de cores... dá até se inspirar e fazer um patchapliqueé

Este aqui é o mais comum e talvez o melhor para tudo... não sai de moda e dá para fazer qq técnica!


Bjinhos pessoal!
Espero os comentários de vcs e se tiverem algum alfabeto que queiram compartilhar, fiquem à vontade!!!

Meu niver e outras coisinhas, rsrs

Pessoal, o meu aniversário foi no dia 1º de agosto e sempre fico torcendo para que chegue logo, rsrs. Adoro fazer aniversário!
Confesso que não estava me sentindo bem de saúde (aliás, que mês difícil!), mas mesmo assim fiz questão de um bolinho pelo menos. Sempre sou eu quem organiza tudo aqui em casa para todo mundo, então, disse que eu não iria fazer nada, mas que queria alguma coisa, rsrs. Acabei tendo dois bolos, rsrs. Adorei!
Um bolo eu já fiquei sabendo na semana do meu niver, pois o maridão me perguntou o sabor que eu queria e ele mesmo fez... sortuda eu! Bolo delicioso de abacaxi e coco, mas ele não me deixou fotografar e disse que vai aprimorar o acabamento... oh, delícia!!!
O outro, foi surpresa de Mamis e Papis... uma torta mega deliciosa de chocolate!


Acabei tendo uma festa íntima com dois bolos, refri e salgadinhos que o maridão também havia comprado. Adorei tudo e foi muito bom mais uma vez, estar com a família!!!
Confiram mais fotos do meu niver no meu face pessoal. Vou adorar tê-los comigo!!! Meu face
Mas quem é artesão não tem jeito, né. Mesmo não estando lá isso tudo, dei um tempo nas encomendas, mas não nas artes. Aproveitei e fiz um presentinho para o meu priminho de 3º grau, mas não por isso menos amado, o Bernardinho. A minha mãe levou no dia do meu niver, pois iria visitar a vovó coruja (minha prima!) naqueles dias, rsrs. em breve já teremos deste modelo na loja, mas vocês já podem conferir os detalhes na minha página de trabalho Meu AteliÊ!






E este kit demonstra o que bato sempre na tecla: tenha sempre alguns produtos prontos, pois quem conhece o seu trabalho sempre vai se lembrar de você quando precisar de uma lembrancinha de última hora e se você tiver alguma coisa pronta... venda certa! Este kit "coroa da Princesa", com a bolsinha também, você pode adquirir na minha loja pelo link: http://www.elo7.com.br/kit-3-pecas-coroa-da-princesa/dp/4A67CD?selectedWebCode=B85F2F


Espero que tenham gostado e eu quero muito saber o que tem achado dos posts e o que realmente gostariam de ver aqui no blog. Um forte abraço e até a próxima!!!

terça-feira, 4 de agosto de 2015

Seja sincera com seus clientes... sempre!

Para quem ainda não sabe, tenho duas lojas no Elo7, uma onde exponho meus artesanatos que leva o mesmo nome do blog Ateliê Superart by Aline Carpazano e outra onde ofereço materiais aos amigos e clientes artesãos com o nome da minha pequena Isabella,  Bella Aviamentos.


Como as lojas são virtuais, a dinâmica de encomendas, principalmente falando sobre os artesanatos muda bastante em relação ao ateliê físico, onde um cliente chega e pede tal produto e você encaixa uma data na agenda para confeccionar, mas às vezes é em cima da hora e não dá mesmo e você não tem como atendê-lo.
 Na loja, a produção é realizada em dias úteis. A maior parte dos meus produtos estão cadastrados com 10 dias úteis de produção para que eu tenha 1 fim de semana para adiantar alguma coisa, caso não dê conta. Porém, os pedidos são instáveis, ou seja, em um dia, pode haver 1 pedido ou mais, então preciso saber equilibrar isso com os pedidos que chegam do facebook e dos clientes que vem ao ateliê ou que me encontram na rua...
Fora isso, há uma outra questão, que me inspirou a escrever este post hoje: o prazo de envio. Os clientes que fazem encomendas na loja, sabem que existe um prazo pré-determinado de produção do produto, mas nem sempre se atentam à isso e esquecem também do prazo de entrega dos Correios e acabam se frustrando, quando é algo que precisa chegar para uma data importante como aniversário, casamento, nascimento...
Estou com uma encomenda para postar hoje, que o prazo de produção seria de 10 dias úteis. A cliente, sabendo disso, pois o prazo fica escrito junto com cada produto, realizou a compra e só então me avisou que precisava para "ontem". Então, disse que tentaria adiantar, mas não prometi, pois não posso deixar de atender as outras clientes. Resultado: precisei exatamente dos 10 dias úteis e hoje é o dia da postagem e sei que não chegará na casa dela à tempo.
Mesmo sabendo que a culpa não é minha, vou avisá-la sobre o ocorrido, para que ela possa analisar a situação e tenha a possibilidade de fazer o cancelamento da compra antes que eu faça a postagem, pois não se trata de um produto exclusivo e nem personalizado.
Então, eu estou sendo sincera com a minha cliente, porque sei que ela não agiu de má fé!

Desta forma, eu evito também, maiores problemas para ela e para mim!